Menu
Conta Tudo / Pele

Conta Tudo | Pele sensível e com rosácea: cuidados essenciais

O post de hoje foi escrito pela leitora Thaíssa, que tem pele sensível e com rosácea e é um revival da nossa antiga tag “Conta Tudo” com dicas das leitoras. E como temos muitas leitoras com o mesmo tipo de pele e com rosácea, convidei a Thaíssa para dar seu depoimento e ajudar outras mulheres.

 

“Meu nome é Thaíssa, tenho 38 anos, sou casada e mãe de uma bebê de 5 meses. Sou advogada e pesquisadora, com mestrado e doutorado, mas, acima de tudo, mulher e sempre preocupada em alcançar a pele perfeita! Por isso amo tanto o MakeUpAtelier e sigo loucamente as dicas da Cinthia. Fui convidada por ela pra fazer este post por conta da minha experiência com a rosácea e pele sensível. Gostaria, assim, de compartilhar minhas descobertas com vocês.”

Pele sensível e com rosácea: cuidados essenciais

Se você sente a pele do seu rosto sempre frágil, irritada, avermelhada e reativa a fatores ambientais como calor, vento, frio excessivo, provavelmente sua pele é sensível. Se, somando-se a tudo isso, apresenta uma vermelhidão persistente, principalmente no centro do rosto, coceira, pústulas (pequenas bolinhas que parecem acne) e vasos vermelhos aparentes, existe uma grande chance de você ter rosácea. Para um diagnóstico seguro e completo, consulte sempre um (a) dermatologista. Não vou entrar no mérito teórico sobre a fisiologia da pele sensível e da rosácea, mas você pode obter informações bem seguras no site da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Peles sensíveis e com rosácea são difíceis de serem tratadas, mas não há motivos para desespero, sempre existe um caminho!
Não acredito muito em dicas infalíveis quando se trata de pele sensível. Pior ainda quando essa pele sensível é oleosa, com tendência a mancha e manifesta rosácea, como a minha.
Ao longo dos anos, fui descobrindo o que ajuda e o que atrapalha nessa nossa jornada em busca da pele perfeita. Sinceramente, o melhor jeito de descobrir se vai dar certo pra você é testando. Mas existem alguns cuidados essenciais que realmente funcionam! Tenho certeza que essas dicas vão dar um upgrade na sua beleza:

1. Pré-lavar: antes de lavar o rosto, pela manhã e à noite, use uma água micelar para retirar a maquiagem, poluição e o excesso de sebo. Você vai se surpreender com o que vai sair no algodão. Ah! Nunca use uma toalha para isso, pois o atrito com o tecido felpudo agride a pele sensível. Após, aplique um óleo com as mãos, fazendo uma leve massagem para retirar o que ainda restou nos poros e facilitar o trabalho do limpador que virá na sequência (eu uso o óleo de côco).

2. Lavar com cuidado: ao lavar seu rosto, use sempre a água fria, não gelada, apenas fria. Nunca quente! Nunca! Rosácea e água quente não combinam. Se estiver no inverno, recomendo fazer a higienização do rosto antes do banho pois o corpo pede uma água mais quentinha e seu rosto não vai suportar. Não esfregue o rosto, apenas passe gentilmente seu limpador. Eu gosto do Effaclar para peles sensíveis e oleosas.

3. Tonificar: não fuja do tônico, mas utilize um produto específico para peles sensíveis. Aplique com as mãos, em leves batidinhas. Especialmente se você tem rosácea, não use tônico para controle da oleosidade pois isso irá piorar a vermelhidão e causar desconfortos como ardência e “pele repuxada”.

4. Hidratar com produtos específicos: na sequência hidrate também dando leves batidinhas. Produtos hidratantes com vitamina C agridem a pele com rosácea, prefiro sempre aqueles com ácido hialurônico. (Eu uso o Nutrel do Profuse).

5. Esfoliar quase nunca: a esfoliação para quem tem pele sensível e com rosácea deve ocorrer bem pouco, eu diria uma vez a cada 15 dias, no máximo. Sempre com esfoliante específico para pele sensível e sem esfregar, apenas com movimentos circulares suaves, evitando as maças do rosto, onde a rosácea se manifesta com mais concentração.

6. Aplicar máscaras ao menos 2 vezes na semana: as máscaras vão garantir a nutrição da pele e uma melhora gradativa da sensibilidade. Devem ser aplicadas em pequena quantidade e deixadas sobre a pele por tempo reduzido (máximo 10 minutos). Prefiro as de argila branca e verde, adicionando 1 gotinha de óleo de melaleuca, que tem poderes anti-inflamatórios. Mas há outras muito boas no mercado. Cuidado na hora da remoção para não esfregar a pele e aumentar a vermelhidão.

7. Acarinhar o rosto ao dormir: durma sobre um lenço de seda, forrando o travesseiro. Ele será gentil no atrito com a pele do rosto durante o sono.

8. Evitar excesso de contato: esfregar a toalha no rosto, aplicar máscaras colantes de difícil remoção, esfoliar em excesso e até mesmo o contato com a barba de amigos e familiares aumentam a sensibilidade e a vermelhidão. Evite, se puder!

Estes cuidados funcionam demais para mim, espero que funcione para você também!

Cuide-se e boa sorte!

Thaíssa




Sobre o autor

Editora e idealizadora do Makeup Atelier www.cinthiaferreira.com.br

Bioré Marshmallow Whip para pele seca ou oleosa Como deixar os lábios mais volumosos. Como fazer o lápis durar na linha d’água Tudo sobre Estée Lauder Advanced Night Repair O melhor produto de Drunk Elephant | Lala Retro