Saúde Videos

Papo Sério sobre Abuso no ambiente de trabalho

Hoje começamos a série de vídeos sobre abuso com a minha psicologa Rosana Leite que é especialista em abuso e especialista em EMDR.

Há tempos queria gravar vídeo assim mas jamais conseguiria fazê-los sem um especialista. Recebo muitas mensagens de leitores que já passaram por situações do gênero e acho que desta forma conseguiremos ajudar muitas pessoas que estão na mesma situação.
Neste vídeo falaremos sobre abuso no trabalho, e nos próximos falaremos sobre abuso no relacionamento e no ambiente familiar.

Aperte o play ou clique aqui

Agora a matéria feita pela Dra Rosana 

Abuso no Trabalho
Abuso não anda sozinho. Muitas vezes você está vivendo um abuso no trabalho, no relacionamento amoroso ou entre amigos, e não sabe onde isso começou ou quando entrou na sua vida. O abuso se transforma e aparece como se fosse do nada.
As perguntas sempre são: “Por que isso acontece comigo? O que foi que eu fiz? Eu mereço isso? Como saio disso? Toda hora aparece uma situação assim na minha vida? Qual o motivo de me tratarem assim?”
Falamos um pouco no vídeo sobre abuso no trabalho e vou deixar aqui algumas coisas que acredito terem faltado.

As definições mais corretas nesse caso seriam ‘Assédio Moral’ e ‘Sexual’ nas relações de trabalho. Esse tipo de assédio tem como característica a exposição dos trabalhadores a situações humilhantes e constrangedoras, repetitivas e prolongadas durante a jornada de trabalho e relacionadas ao exercício de suas funções.
Toda e qualquer conduta abusiva, que pode se manifestar, sobretudo por comportamentos, palavras, atos, gestos, escritos que possam trazer danos à personalidade, à dignidade ou à integridade físico-psíquica de uma pessoa, pôr em perigo o emprego ou degradar o ambiente de trabalho.
Fonte mpf.mp.br

Acesse a cartilha e confira sobre assédio no trabalho.

Alguns exemplos que não falamos no vídeo sobre o que pode ser caracterizado como Assédio Moral:
– Ser colocado em local sem função nenhuma;
– Não fornecer ou retirar instrumentos de trabalho;
– Fragilizar, ridicularizar, inferiorizar, menosprezar a vítima em seu local de trabalho;
– Culpar e responsabilizar publicamente, com comentários sobre a incapacidade da vítima;
– Ignorar a presença do trabalhador;
– Divulgar boatos sobre o trabalhador;
– Ameaçar constantemente quanto à perda do emprego;
– Passar tarefas e humilhantes.

Alguns passos práticos sobre o ciclo abusivo:
1. Encontre onde a primeira história de abuso entrou na sua vida ou de um familiar;
2. Entenda o ciclo abusivo e não apenas um abuso isolado;
3. Busque ajuda para quebrar o ciclo.

Como sair do ciclo abusivo e descobrir que estou vivendo uma forma de abuso?
Apresento a vocês um programa totalmente voltado para o público feminino: ‘Mergulhe na sua História’ é um trabalho para mulheres que não têm certeza se vivem em um relacionamento abusivo ou vivem e não conseguem sair desse ciclo.
Idealizado por mim, na luta contra qualquer tipo de abuso, reúno nesse trabalho um histórico de vida dedicado a vítimas de abuso. Milhares de mulheres já foram beneficiadas em tratamentos individuais durante minha trajetória de vida como profissional.
Desenvolvi um método com protocolos exclusivos de atendimento em 12 horas, que ajudam a quebrar o ciclo de abuso e violência, identificar onde você está e se livrar dos traumas e emoções que a seguram nesse lugar. Desta forma, quebra-se o ciclo na sua vida e na sua história.
Você pode ser livre.

Rosana Leite é psicóloga especializada em EMDR e trabalha com traumas de abuso.

Agredecimentos:
Dra Rosana Leite https://www.instagram.com/rosana_leite_psicologa
Canal no Youtube
www.rosanaleite.com.br

➜ Vídeo Como Identificar um abuso

➜ Projeto Isaque – Atendimento gratuito para crianças que sofreram abuso

You Might Also Like...

Sem Comentários

    Leave a Reply

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.